Ud está aquí:
  1. Brasil
  2. Estudiar
  3. Estudiar en España

Volver

Estudiar en España

Informações generais

Acesso à graduação para estudantes brasileiros com ensino médio (passo a passo).

1) Para acessar a universidade espanhola, você deve primeiro escolher o curso e a universidade em que deseja estudar e entrar em contato com ela para conhecer os requisitos, regras e critérios para admissão nos estudos desejados.

Em relação aos requisitos de acesso à universidade, você deve se informar sobre:

  • Se a universidade usa o sistema UNEDassis ou se possui seu próprio sistema de acesso.
  • Se eles usarem a qualificação de admissão contida no credenciamento da UNEDasiss ou se realizarão o cálculo de outra maneira.
  • Se você tiver que escolher a modalidade ensino médio ("Modalidad de Bachillerato").
  • Se houver um número mínimo de exames (PCE) que você deve fazer ou passar e se deve examinar a si mesmo para algumas disciplinas específicas. Em alguns casos, eles podem exigir que você examine as mesmas matérias que os alunos fazem na Espanha e que se chama EBAU.
  • Se existe algum requisito para a comprovação do nível de idiomas.
  • No caso de diplomas com oferta limitada, você deve saber quais disciplinas o ajudarão a melhorar sua qualificação de admissão. Para fazer isso, você deve consultar as tabelas de ponderação da universidade.
  • Descubra as notas de corte das chamadas anteriores no curso que você deseja realizar, para obter uma orientação sobre os requisitos que você deve atender.

Resumo de requisitos para acesso às universidades espanholas compilados pela UNED.

2) Realizar a homologação dos estudos de ensino médio ou equivalente no Escritório de Educação da Embaixada da Espanha em Brasília.Nueva ventana

Ao dar entrada no processo de reconhecimento (homologación), o aluno recebe um "volante condicional" que permitirá a inscrição na universidade. De qualquer forma, como o processo pode levar vários meses, recomenda-se iniciar o procedimento ao terminar os estudos de Ensino Médio, tendo em vista que algumas universidades exigem a Credencial de Homologación para o cálculo da nota de acesso.

Os alunos da Escola Miguel de Cervantes de São Paulo (SP) e Santa Maria Minas - Unidade Cidade Nova, em Belo Horizonte (MG), não precisam da homologação do diploma e podem prosseguir conforme indicado no item 3 desta resolução Nueva ventana.

Os alunos que possuem o Bacharelado Internacional, não precisam da aprovação do diploma e podem prosseguir conforme indicado no sexto ponto desta resolução,Nueva ventana

3) Posteriormente, os estudantes internacionais podem obter credenciamento através do UNEDasiss Nueva ventana ou realizar o processo de ingresso direto indicado pela Universidade.

3.1) UNEDassis que é o serviço da UNED responsável por gerenciar o credenciamento de estudantes internacionais para acesso e admissão na universidade espanhola.

Para algumas graduações, conforme indicado pela universidade e pela UNED, pode ser necessário realizar as Provas de Competência Específica (PCE), equivalente a um "vestibular" no Brasil. O número de testes PCE a serem realizados depende da universidade e do curso escolhido.

No Brasil, os testes PCE são realizados no centro da UNED em São Paulo.Nueva ventana

3.2) É possível acessar a universidade sem ter que realizar os testes UNED-PCE (vestibular), especialmente na chamada extraordinária, em julho em Madri e setembro no resto da Espanha.

Alem disso, na Região de Andaluzia existe uma fase ingresso na universidade para estrangeiros própria dessa região, que é aberta no mês de março, e não precisa da realização de provas nem do processo da UNED, apenas a revalidação do Ensino Médio e diploma de idioma espanhol B1 (intermediário inicial).

4) Faça a inscrição na universidade.

Acesso na Espanha a cursos de graduação desde estudos já iniciados no Brasil

Para continuar na Espanha, os estudos de graduação já iniciados no Brasil, é preciso entrar em contato diretamente com a universidade espanhola escolhida e solicitar a convalidación parcial de estudios extranjeros.

Acesso a estudos de mestrado ou doutorado

Para fazer um mestrado ou doutorado, você deve solicitar diretamente a admissão na universidade do seu interesse. A universidade informará sobre os requisitos, prazos e documentação necessária.

A homologação no Ministério da graduação não é necessária para a continuação do mestrado, nem a homologação do mestrado para acesso ao doutorado.

Entre a documentação exigida para a matrícula, algumas universidades requerem a "Declaración de Equivalencia de Nota media" que expide o Ministerio de Ciencia, Innovación y Universidades.Nueva ventana “ Este é um processo completamente on-line, gratuito e que deve ser feito pelo próprio requerente.

Aluno Visitante/Aluno Especial (Graduação ou Mestrado)

Alunos de um centro universitário ou graduados em universidades brasileiras podem cursar algumas disciplinas de graduação ou mestrado na Espanha, sem ter que executar os procedimentos oficiais de acesso ao aluno.

Essas matérias soltas, realizadas em uma universidade espanhola, poderiam ser validadas, ou consideradas como disciplinas livremente configuráveis, dentro da grade curricular das universidades brasileiras. Você deve verificar essa possibilidade de revalidação ou reconhecimento das disciplinas cursadas na Espanha na sua universidade de origem no Brasil.

Para ser aluno visitante / aluno especial, você pode obter as informações sobre os requisitos, prazos de inscrição e documentação necessária na universidade espanhola da sua escolha.

Visto de estudos

Informações sobre vistos de estudo podem ser obtidas nos consulados da Espanha no Brasil Nueva ventana.

Salto de línea Os estudantes brasileiros com visto de estudante podem trabalhar legalmente na Espanha por 20 horas/semana, desde que seja compatível com o horário do curso e realizem a solicitação correspondente perante a administração espanhola.

Uma vez concluídos os estudos e cumprindo os requisitos exigidos pelas autoridades de imigração espanholas, a situação de permanência nos estudos pode ser transformada em residência e trabalho na Espanha (empregadoNueva ventana ou autônomoNueva ventana).Salto de línea

Cidadãos espanhóis e brasileiros com dupla nacionalidade espanhola, ou de qualquer país da União Europeia, não precisarão de visto de estudante para fazer seus estudos na Espanha.

Salto de línea Os cidadãos espanhóis não têm restrições relacionadas ao trabalho. Os cidadãos da União Europeia não têm restrições relacionadas ao trabalho, desde que executem o procedimento correspondente perante a autoridade de imigração espanhola.

Subir